segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Desvios divinos



Desvios divinos
Joe Stowell
Mateus 1:18-25
…a quem pôs o nome de Jesus. —Mateus 1:25




Tenho a tendência de ficar preso aos meus hábitos, portanto, qualquer coisa que me afaste dos meus planos e rotina pode ser muito irritante. Pior ainda, às vezes, os desvios da vida são inquietantes e dolorosos. Mas Deus, que disse, “…os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos, os meus caminhos…” (Isaías 55:8) sabe que, com frequência, Ele precisa mudar a nossa direção, a fim de fazer das nossas vidas mais do que faríamos se permanecêssemos em nossos planos originais.
Pense em José, Deus o levou para o Egito a fim de prepará-lo para resgatar o povo escolhido de Deus da fome que havia. Ou em Moisés, que foi afastado do luxuoso estilo de vida do palácio de Faraó para encontrar Deus no deserto, na preparação para liderar o povo de Deus à Terra Prometida. Ou José e Maria a quem o anjo anunciou a alteração mais significativa de todas. Maria teria um filho, a quem chamaria de “…Jesus, porque ele salvará o seu povo dos pecados deles.” (Mateus 1:21). José acreditou no maior propósito que Deus tinha para ele, rendeu-se àquela mudança de planos, e obedientemente “…pôs o nome de Jesus” (v.25). A continuação é uma história maravilhosa!
Podemos confiar nos maravilhosos planos de Deus, pois Ele faz o Seu melhor trabalho na história de nossas vidas.
Permita que Deus direcione — ou redirecione os seus passos.




Postar um comentário